logo e-Labore

Laboratório Eletrônico de Oralidade e Escrita

e-Labore

Metodologia

Digitalização e digitação

Digitalização

Todas as redações produzidas pelos alunos que participam do e-Labore são digitalizadas. A frente e o verso de cada uma das redações são escaneados. Sendo assim, toda a produção (textos, desenhos, palavras isoladas, acrósticos, etc) realizada pelos alunos é registrada digitalmente.

Cada redação escaneada tem sua imagem armazenada em um arquivo no formato JPEG. Optou-se por escanear as redações com um resolução bastante alta. Tal resolução é capaz de garantir que nenhuma informação contida no original seja perdida. Deste modo, as páginas das redações são armazenadas em imagens de 3507x2480 pixels utilizando 24 bits por pixel.

Em um futuro próximo, as imagens de cada redação serão disponibilizadas através da página do projeto e-labore. Contudo, antes de disponibilizá-las a equipe do projeto deverá modificar as imagens das redações de modo a preservar totalmente a identidade dos alunos/autores.

Digitação

Os textos produzidos pelos alunos que participam do e-Labore são digitadas, uma a uma, pelos colaboradores do projeto. Muito embora a tarefa de digitação de redações pareça simples de ser realizada, na prática, encontram-se algumas dificuldades. Essas dificuldades decorrem não só do grande número de redações necessário para se construir um corpus representativo da linguagem utilizada pelos alunos em fase de aquisição da escrita, mas também, da complexidade de se interpretar o desenho das letras de alunos que ainda atravessam o processo de alfabetização.

Na tentativa de minimizar as dificuldades encontradas e padronizar o processo de digitação das redações foi estabelecido um conjunto de 7 regras. Essas regras estabelecem que os textos devem ser copiados de forma que a versão digitada seja a mais parecida possível com a versão original. Deste modo, as quebras de linhas e parágrafo realizadas pelos autores são também apontadas na digitação das redações, preservando a organização espacial adotada na elaboração do texto.

Mais ainda, a versão digitada deve permitir a fácil identificação dos desvios ortográficos cometidos pelos alunos. Na presente etapa do projeto, devido a questões metodológicas relacionadas ao processo de documentação optou-se por apontar apenas os desvios ortográficos. Sendo assim, desvios em colocações pronominais, regência (verbal ou nominal), concordância (verbal ou nominal) não são marcados na atual fase do projeto. As palavras grafadas com desvios ortográficos pelos alunos são marcadas por um par de chaves e a forma padrão é apontada entre colchetes {desvio ortográfico}[forma padrão].

Além dos símbolos utilizados para apontar desvios ortográficos alguns outros foram criados para apontar diferentes situações. O símbolo *(asterisco), por exemplo, é utilizado quando a palavra escrita e impossível de ser lida com precisão. Já a ausência de palavras que dão sentido ao texto é marcada por +[palavra faltando]. Também utiliza-se o $(cifrão) para marcar o início e o fim do texto contínuo. O título da redação, falas em balão, poesias e fragmentos de texto fora do texto principal são digitados após o cifrão que marca o fim do texto contínuo. Tal estratégia foi adotada na expectativa de se caracterizar o texto como unidade maior de sentido baseando-se estritamente no registro ortográfico. Contudo, as imagens digitalizadas dos textos permitem aos pesquisadores interessados avaliarem os desenhos e registros externos ao texto propriamente dito.

Todo o processo de digitação é realizado através da página do projeto na Internet. Os colaboradores recebem um login e uma senha que são utilizados para acessar a interface de envio das redações. Os responsáveis pela digitação das redações passam por um processo de treinamento que busca garantir a uniformidade no processo de digitação. O treinamento começa com uma apresentação das regras. Em seguida, cada colaborador recebe 5 redações, acessa a interface de envio, e digita a redação seguindo o conjunto de regras. Ao final do treinamento, a equipe de coordenação revisa as redações enviadas e discute com os colaboradores as inconsistências e erros cometidos na digitação.

Exemplos de digitalização e digitação